13 out 2019 domingo 21:00
Sala 2
Theo Croker “Star People Nation” · Kevin Hays e Lionel Loueke
Outono em Jazz
13 - Theo Croker “Star People Nation” Kevin Hays e Lionel Loueke
  • Theo Croker “Star People Nation”

     

    Theo Croker trompete

    Shekwoaga Ode bateria

    Eric Wheeler baixo

    Michael King teclados

     

    O trompetista e compositor Theo Croker tem-se revelado uma das figuras mais talentosas do jazz norte-americano dos nossos dias. O seu novo disco, Star People Nation, editado este ano após uma maturação de mais de um ano, é um conjunto de composições reflexivas e provocadoras e conquistou a crítica em definitivo. Neto do célebre trompetista Doc Cheatham e orientado por outro nome lendário, Donald Byrd, Theo Croker começou por chamar as atenções com o disco AfroPhysicist, que contou com a participação de Dee Dee Bridgewater, e depois Escape Velocity, considerado “intemporal e actual” pelo Wall Street Journal. Por outro lado, empresta os seus talentos ao mundo do hip hop em discos aclamados de J. Cole e Common. Um músico que, segundo Donald Byrd, irá redireccionar a corrente e mudar o curso do novo jazz.

     


     

    Kevin Hays e Lionel Loueke

     

    Kevin Hays piano e voz

    Lionel Loueke guitarra e voz

     

    Ao longo de mais de duas décadas, Kevin Hays e Lionel Loueke têm sido figuras de proa do jazz mundial, com inúmeras gravações editadas que os colocam entre os músicos mais influentes da sua geração. O seu encontro em estúdio revelou-se mágico, marcado por um espírito criativo inspirador e pela total sincronia. Natural do Benim, na África Ocidental, Loueke trabalhou recentemente no projecto Fairgrounds de Jeff Ballard, e juntamente com o norte-americano Kevin Hays assina a música que deu origem ao disco Hope, recentemente editado em CD. Os dois instrumentistas, mestres de nível mundial nos seus instrumentos, exploram aqui também as vozes – Loueke tem sempre um microfone à sua frente quando toca, integrando ritmos e melodias vocais na sua música, e também Hays se apresenta aqui nesse duplo papel.

     

    O Outono em Jazz é o pretexto para trazer à Casa da Música algumas das propostas mais vibrantes da actualidade. Na sua sétima edição, o festival continua a revelar a melhor música que se faz sob a capa abrangente de um género marcado pelo culto da improvisação e da inovação. Entre nomes consagrados e novos valores, todas as tendências do jazz são bem-vindas.

     

    Comentários

x
A Fundação Casa da Música usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação, a segurança e o desempenho do website. A Fundação pode também utilizar cookies para partilha de informação em redes sociais e para apresentar mensagens e anúncios publicitários, à medida dos seus interesses, tanto na nossa página como noutras. Para obter mais informações ou alterar as suas preferências, prima o botão "Política de Privacidade" abaixo.

Para obter mais informações sobre cookies e o processamento dos seus dados pessoais, consulte a nossa Política de Privacidade e Cookies.
A qualquer altura pode alterar as suas definições de cookies através do link na parte inferior da página.

ACEITAR COOKIES POLÍTICA DE PRIVACIDADE